Fluminense reconhece má atuação e tenta focar na Copa do Brasil

346
fred-fluminense

O Fluminense foi inteiramente dominado pelo Cruzeiro na manhã deste domingo, em Belo Horizonte, e amargou uma derrota por 2 a 0 no Mineirão. Sem praticamente ameaçar a meta adversária, perdendo a grande maioria das disputas de bola, além de errar muitos passes, a equipe de Eduardo Baptista permitiu aos adversários jogarem com liberdade, e o placar poderia ter sido pior.

Na saída do gramado, o atacante Fred admitiu a má atuação, mas jogou boa parte da culpa sobre o calor no horário da partida. “Nosso time não conseguiu ficar com a bola, estava muito quente, é estranho jogar essa hora. Quando tínhamos a bola, erramos os passes, eles souberam aproveitar melhor a posse”, declarou.

O técnico Eduardo Baptista também reconheceu a superioridade do Cruzeiro, mas procurou não exagerar nas críticas. “Primeiro tempo até certo ponto foi equilibrado, criamos situações. Houve muitos erros de passe. No segundo tempo, no segundo gol, fomos muito mal. Não achamos passe por dentro. O Cruzeiro se fechou bem e aproveitou”, disse na coletiva após o jogo.

A preocupação maior do treinador neste momento é preparar a equipe técnica e psicologicamente para o duelo da próxima quarta-feira, diante do Palmeiras, na primeira partida da semifinal da Copa do Brasil.

“Temos que tentar reverter pelo lado bom. Mostrar os erros… Deixamos de marcar e temos que levar como aprendizado. Houve também coisas boas. Não temos muito tempo, mas vamos conversar e tentar ajustar”, afirmou.

“O time chega bem. Estava calor, mas não pode ser colocado como desculpa, até porque estava para os dois lados. O ritmo de jogo caiu. Sobre as questões do departamento médico, temos que esperar para saber o que aconteceu e quem terá condições de jogo”, completou.

O principal problema de ordem médica para o próximo compromisso é o zagueiro Marlon, que deixou o gramado com suspeita de torção no joelho. “Meu joelho estalou, doeu e ainda bati com ele no gramado. Espero que não seja nada mais sério”, disse o jogador.

SEM COMENTÁRIOS