Grêmio 2 x 3 Chapecoense: Túlio de Melo marca duas vezes e Verdão consegue virada histórica

488
gremioxchapecoense

Em jogo emocionante, o Grêmio chegou a abrir dois gols de vantagem, mas a Chapecoense conseguiu a virada no último minuto e venceu por 3 a 2, na Arena, na tarde deste domingo, em jogo válido pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. Douglas e Bobô marcaram para a equipe da casa e Túlio de Melo (2) e Apodi fizeram os gols catarinenses. Com o resultado, o Tricolor seguiu em terceiro lugar, com 55 pontos. O Verdão do Oeste, por sua vez, permaneceu na 14ª posição, com 38.

O próximo confronto dos gaúchos será contra o Vasco, no domingo, às 17h, no Maracanã. No mesmo dia e horário, os catarinenses enfrentarão o Avaí, na Arena Condá.

O jogo

O confronto começou elétrico na Arena. Após um bom início de partida, o Grêmio abriu o placar logo aos quatro minutos. Douglas soltou a bomba da intermediária e marcou um golaço. A Chapecoense tentou a resposta rápida e quase conseguiu o empate. Aos sete, Camilo chutou rasteiro da entrada da área e acertou a trave. Três minutos depois, o camisa 10 do Verdão aproveitou cruzamento de Dener Assunção e por pouco não marcou de cabeça.

O Tricolor conseguiu segurar a pressão adversária e o jogo ficou equilibrado. Aos 33, Galhardo cruzou rasteiro para Bobô, que dividiu com o goleiro e ampliou o marcador. A Chapecoense novamente se lançou ao ataque e só não diminuiu, aos 44 minutos, por causa de Galhardo, que salvou em cima da linha cabeçada certeira do grandalhão Túlio de Melo.

O time catarinense voltou muito bem para a etapa complementar e pressionou o Grêmio desde o início. Aos 10, Erazo cometeu pênalti ao derrubar Apodi dentro da área. Túlio de Melo cobrou com força no meio do gol e descontou. A partir daí, a partida voltou a ficar emocionante.  Aos 14, Camilo tirou tinta da trave de Bruno Grassi em chute forte de fora da área. Aos 33, Maranhão foi até a linha de fundo e cruzou na medida para Túlio de Melo, que marcou o segundo dele. Após o empate, a Chapecoense se fechou na defesa e, no último minuto, conseguiu a virada. Apodi puxou contra-ataque em velocidade e bateu no canto, fechando o placar em 3 a 2.

SEM COMENTÁRIOS