Pau cigarra

397
Pau-cigarra

Nome Comum: PAU CIGARRA

Nome Científico: Senna multijuga
Família: Fabaceae
Características Morfológicas: Árvore de porte médio, que mede entre seis e dez metros de altura. O tronco varia de 30 a 40 centímetros de diâmetro. Possui folhas compostas, de 20 a 40 pares. A floração é amarela e em cachos. Já o fruto é uma vagem achatada, que chega a medir 15 centímetros e tem tonalidade marrom-escura. Possui dezenas de sementes, em forma de grão de arroz.
Origem: Brasil.
Ocorrência Natural: Ocorre em quase todo o País, sobretudo na mata pluvial da encosta atlântica.

A florada do pau cigarra acontece entre fevereiro e março, quando colore de amarelo o verde das matas. Por isso mesmo, é chamada primeiramente de chuva-de-ouro, depois de aleluia, canafístula e caquera.

Ela forma grupos homogêneos de árvores e chama a atenção pelo conjunto.

É muito apropriada para o paisagismo, embora não seja muito usada para esta finalidade. É mais comum avistá-la na arborização urbana, em praças, jardins e ruas (em função de seu pequeno porte, que não concorre com a fiação elétrica dos postes).

Melífera, é muito usada em reflorestamentos mistos de áreas degradadas e de preservação permanente. Já sua madeira é bastante mole e, por isso mesmo, empregada para caixotaria, confecção de brinquedos, além de lenha e carvão. Seu desenvolvimento no campo é rápido (chega facilmente a 3,5 metros aos dois anos).

Saiba mais:
Árvores Brasileiras – Manual de Identificação e Cultivo de Plantas Arbóreas Nativas do Brasil, de Harri Lorenzi e no portal Como Plantar

SEM COMENTÁRIOS